Ponto de ouro

Um ponto para falar de fotografia…

UM POUCO DE BLÁ, BLÁ, BLA… 30/09/2010

Filed under: Não categorizado — simonezmr @ 03:17

Meu nome é Simone Zimer, tenho 21 anos, e sou estudante de Publicidade e Propaganda. Mas o que me chama a atenção mesmo, desde os 13, é a fotografia. Naquela época, quando disse que seria fotógrafa, meu pai me xingou, disse que isso não dava dinheiro, e que já tinham muitos estúdios por aí… Como moro na Região Metropolitana de Porto Alegre e vejo muitos estúdios por aqui, cheguei à conclusão de que ele estava certo e desisti (quer dizer, isso foi o que eu pensei…).

Comecei a pensar no que faria, já que não seria mais fotógrafa e optei pelo jornalismo (só porque também tem fotografia :D).

Mas uma manhã, me preparando para mais um dia de aula do Ensino Médio, TV ligada num telejornal, aparece a capa de um jornal do Rio (ou era São Paulo?), com uma foto que me fez ver que uma imagem REALMENTE vale mais do que mil palavras: Uma mulher, em profunda tristeza, mas sem chorar, olhando para o nada e com o filho morto nos braços, que parecia se perguntar quantos mais iriam morrer vítimas da violência… Não teve jeito… Ali eu vi que eu poderia estudar qualquer coisa, mas se não fosse fotógrafa, eu seria frustrada…

Já na publicidade, conheci o professor Raul Miranda, que me ensinou muito da técnica fotográfica. Percebi que era muito mais difícil do que eu tinha imaginado, mas era tarde para voltar atrás. Costumo brincar com meus amigos que não me viciei em drogas, mas me viciei na fotografia: fico muito tempo fora de casa, vou até tarde editando, fico nervosa se estiver em “abstinência fotográfica”…

Mas mudando “o foco”, a palavra fotografia tem origem no grego, e significa escrever com a luz. A ideia (poética, talvez?) de escrever com a luz me fascina. Poder congelar um simples momento para toda a eternidade também. É como se o fotógrafo “sequestrasse” um momento para guardá-lo e dividir com as próximas gerações.

A fotografia permite que compartilhemos com o mundo o olhar que temos sobre ele e vejamos como as outras pessoas o veem.

Escuto por aí muitos absurdos sobre fotografia, do tipo, “para fotografar é só apertar um botão” o próximo que disser isso eu ponho ouvir funk😀, “essa foto é boa porque tua câmera é boa” ou ainda “para fotografar é só usar o automático”, entre outros.

Pretendo aqui esclarecer alguns desses mitos e dar algumas dicas de fotografia, blogs, livros, filmes, etc.

Para me despedir, encerro com a frase de Lewis Hine: “Se eu pudesse contar a história com palavras, não precisaria carregar uma câmera comigo.”

Um abraço, e até a próxima!

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s